Seu portal de festas, eventos e informações

Notícias

MP investiga prefeito de Marília

Segundo os procuradores, Daniel Alonso(prefeito de Marília) teria feito contratação irregular de assessores e pago multas rescisórias em duplicidade.

O Ministério Público (MP) de Marília (SP) abriu dois inquéritos para investigar supostos casos de improbidade administrativa que teriam sido cometidos pelo prefeito Daniel Alonso (PSDB) que, por meio da sua assessoria de imprensa, informou que não vai se manifestar sobre as acusações.

O primeiro inquérito, que virou uma ação civil pública, é sobre a nomeação de dois funcionários comissionados que. Segundo o MP, não possuem qualificação necessária para trabalharem nos cargos. Um deles seria funcionário da empresa do prefeito. Depois da ação, os funcionários foram exonerados.

O segundo inquérito, também de improbidade, investiga o pagamento de multas rescisórias de ex-funcionários comissionados. O pagamento foi realizado em janeiro, mas os funcionários foram demitidos na gestão anterior e já teriam sido pagos.

Imagem: 
Daniel Alonso é investigado por contratar assessores que não teriam a qualificação adequada ao cargo (Foto: Reprodução / TV TEM )

Fonte: Reprodução TV TEM | Postagem: 29/08/2017 | 22h48

Comentários

ANTES DE ESCREVER SEU COMENTÁRIO, LEMBRE-SE: o site Destaque1000.com não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!
Nome
E-mail
Cidade
Comentário
 

Destaque1000.com.br - 2005 / 2017. Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento Artistadaweb (Obrigatório citar a fonte em fotos e matérias)